​​​​​​​Overbooking Significado

Overbooking é uma expressão em inglês que significa excesso de reservas, que acontece quando a venda ou reserva de bilhetes ou passagens fica acima do número de lugares.

​​​​​​​Overbooking Significado

Overbooking é uma expressão em inglês que significa excesso de reservas, que acontece quando a venda ou reserva de bilhetes ou passagens fica acima do número de lugares realmente disponíveis no veículo ou lugar.

 

Normalmente, as companhias aéreas costumam usar o overbooking para preencher prováveis desistências em suas viagens.

 

Muitas empresas aéreas sofrem grandes prejuízos com as desistências de passageiros, que geralmente fazem reservas com alguns meses de antecedência, mas decidem por não embarcar. A consequência é a partida de muitas aeronaves com assentos vazios, que poderiam estar disponíveis para outras pessoas interessadas em viajar naquela data.

 

Consequentemente, os passageiros em overbooking são inseridos nos voos de acordo com o número de desistências que a viagem tiver. A prática do overbooking também é comum em hotéis e restaurantes.

 

 

 

Overbooking e Danos Morais

 

O overbooking pode ser uma solução para as companhias aéras, mas também uma grande dor de cabeça para os passageiros desavisados e que acabam sendo impossibilitados de embarcar no avião por falta de lugar.

 

Nesse caso, o passageiro deve estar atento aos seus direitos, garantidos pela Agência Nacional de Aviação Civil - ANAC, que tem a jurisprudência de todas as viagens aéreas no território nacional, e devem ser cumpridos pelas companhias aéreas que "superlotaram" a aeronave.

 

 

 

Algumas das Obrigações das Empresas

 

  • Garantir o embarque do passageiro em um outro voo da mesma companhia;
  • Garantir alimentação, hospedagem (quando necessário), facilidade de comunicação e translado entre hotel e aeroporto até o momento da viagem;
  • Indenização e reembolso da passagem, caso o passageiro queira mudar de companhia aérea;

 

 

 

Obrigações da Companhia Aérea em atraso de voo

 

As mudanças do horário do voo ou do trajeto podem acontecer com certa antecedência. Neste caso, elas devem ser avisadas aos passageiros em pelo menos 72 horas antes da data original. Essas alterações incluem também a troca de voo direto para voo com escala ou conexão.

 

Com relação ao horário da viagem, a companhia aérea pode modificá-lo em até 30 minutos para voos nacionais e até 1 hora para os internacionais. Com as informações dadas com a antecedência adequada, a empresa não tem obrigações adicionais.

 

A companhia, ao constatar o atraso, a cada 30 minutos deverá informar a situação aos passageiros. Caso haja cancelamento, deve ser comunicado imediatamente.

 

Em casos onde o atraso ocorra em uma conexão, é obrigação de a companhia aérea realocar o passageiro ou compensá-lo financeiramente caso isso não seja possível.

 

 

 

Reembolso no Caso de Atrasos nos Voos, como Funciona?

 

Sobre reembolso nos casos de atraso de voo, a empresa deverá reembolsar o passageiro de acordo com a forma de pagamento da compra da passagem.

 

A devolução dos valores já, pagos e quitados, e recebidos pela empresa aérea deverá ser imediata, em dinheiro ou por meio de crédito em conta bancária do passageiro. Se a passagem aérea foi parcelada no cartão de crédito e tem parcelas a vencer, o reembolso obedecerá às regras da administradora do cartão de crédito.

 

As providências para o reembolso devem ser na hora. Se for do interesse do passageiro, a empresa poderá oferecer, em vez de reembolso, créditos em programas de milhagem para ser usados posteriormente.

Saiba mais sobre atraso de voos e os seus direitos.

 

 

Bem-estar social : O Governo e as Empresas:  História

 

Características do Estado de bem-estar social:

 

O Estado de bem-estar social não é um modelo fixo de governo, logo, se apresenta de diversas formas ao redor do mundo. No entanto, entre as características gerais do welfare state estão:

 

Adota medidas de natureza socialista: mesmo em países capitalistas, as medidas assistencialistas do Estado de bem-estar social são de natureza socialista, pois visam a redistribuição equitativa de renda e a igualdade de oportunidades para todos. Entre as principais medidas desse tipo estão as pensões, bolsas, seguros e outras concessões assistencialistas.

 

Possuem legislação protetiva: como forma de proteger os direitos dos cidadãos vulneráveis, o Estado de bem-estar social conta com legislações voltadas à proteção dos seus direitos, a exemplo de salário-mínimo, segurança e saúde no trabalho, férias, restrições a trabalho infantil, etc.

 

Intervenção do Estado na economia: para garantir os direitos dos cidadãos, o Estado de bem-estar social atua de forma ativa na economia.

 

Estatização de empresas: o Estado de bem-estar social tende a estatizar empresas em setores estratégicos para que o governo tenha as ferramentas necessárias para promover serviços públicos. Entre as áreas mais visadas estão a de moradia, saneamento básico, transporte, lazer, etc.

 

 

 

Crise do Estado de Bem-estar Social

 

Por assumir inúmeras responsabilidades para com os cidadãos, o Estado de bem-estar social enfrenta diversas dificuldades e, por isso, tem sua efetividade questionada ao redor do mundo.

 

Quando os gastos governamentais, acumulados aos encargos relacionados ao bem-estar da população, superam as receitas públicas, o país entra em crise fiscal. Esse cenário é o que se chama de crise do Estado de bem-estar social.

 

Entre as principais provas da crise do Estado de bem-estar social estão as medidas tomadas por Margareth Thatcher no período em que foi primeira-ministra na Grã-Bretanha (1979-1990). Thatcher reconheceu que o Estado não possuía mais condições financeiras para manter as medidas assistencialistas e, ao mesmo tempo, promover o crescimento econômico. Assim, o governo da região fez a transição para o neoliberalismo.

 

 

 

Estado de Bem-estar Social no Brasil

 

No Brasil, o Estado de bem-estar social se manifestou no governo de Getúlio Vargas, na década de 1940. O período foi marcado pelo estabelecimento das leis trabalhistas, sobretudo o salário-mínimo. A partir disso, o país seguiu a tradição de proteger os direitos sociais, seja através de legislação ou de medidas assistencialistas.

 

Atualmente, o Brasil conta com diversas medidas características do Estado de bem-estar social, tais como licença maternidade, cotas raciais, seguro-desemprego, segurança social, etc.

 

No que diz respeito as empresas que prestam serviços de atendimento publico como empresas aéreas cada vez mais órgãos que estabelecem regras de uso interno e externo para garantir a segurança tanto da empresa como dos usuários, bem como do país em que se estabelece a empresa, visam com isso aumentar a garantia de bem-estar aos cidadãos.

Depoimentos

Dr Airport - © 2020 - Todos os direitos reservado

Empresa de Sites

Nosso atendimento - (11) 94485-0088

Clique para chamar no WhatsApp